Qual tipo de manutenção implementar na sua empresa?

Publicacacao

A Importância da Manutenção

 

          Os equipamentos industriais são essenciais para o dia a dia de uma empresa, pois são eles que movimentam o negócio, para que diversos produtos sejam fabricados e atendam a demanda do mercado, gerando assim, mais valor e capital para a indústria.

          Mas para isso acontecer, os equipamentos e maquinários devem estar em perfeitas condições de uso.

          Visando buscar o melhoramento da produção, a manutenção industrial tem um papel fundamental e estratégico dentro das organizações.

          Além do equipamento ter a sua vida útil prolongada, a manutenção faz com que a produção funcione como o planejado, sem que paradas inesperadas aconteçam, gerando maior tranquilidade para a indústria.

          Essa revisão periódica promove também o bem estar e a segurança dos funcionários ao manusear e trabalhar com o maquinário.

          Já sabemos o quanto a manutenção é importante para o bom funcionamento de qualquer negócio. Mas quais são os tipos de manutenção existentes? Como devem ser feitas essas manutenções?

          A seguir, explicaremos quais são os tipos existentes e como aplicá-los em sua empresa.

transmissão-mecanica

Os Tipos de Manutenção

 

  1. Manutenção Corretiva

          O primeiro tipo de manutenção é a corretiva, que é realizada quando os equipamentos e máquinas sofrem algum tipo de falha, e existem duas formas de aplicar esse modelo de cuidados com os maquinários.

1.1. Manutenção corretiva não planejada: Ocorre quando acontece de última hora, ou seja, sem agendamento, e normalmente tem um custo mais elevado, demorando um tempo maior e gerando maior prejuízo para a empresa.

1.2. Manutenção corretiva planejada: Ocorre quando a falha já é detectada durante a produção e logo depois a manutenção é agendada.

          Dado que o desempenho da máquina já está abaixo do padrão, esse tipo de manutenção ainda apresenta perdas, porém em menor escala e, consequentemente, o mesmo acontece com o custo.

  1. Manutenção Preventiva

          Outro tipo de manutenção é a preventiva, nesse caso já deixamos a manutenção marcada com antecedência, sendo que isso é feito de forma periódica.

          Ou seja, esse processo é realizado com o objetivo de evitar e prevenir o surgimento de danos, antes que eles aconteçam.

  1. Manutenção Detectiva

          Outra forma de manutenção comum é a detectiva, em que a equipe técnica cria sistemas de proteção buscando detectar as falhas ocultas, que não são vistas pelo pessoal de operação ou de manutenção industrial.

  1. Manutenção Preditiva

          Por fim, existe a manutenção preditiva, que atualmente é a mais eficiente no ramo.

          A principal característica desse tipo de manutenção é realizar averiguações das máquinas no dia a dia para identificar algumas irregularidades que podem atrapalhar toda a cadeia produtiva.

          Identificando algum ‘’mini problema’’, o técnico de manutenção consegue corrigi-lo facilmente e com um nível de urgência menor, o que otimiza, e muito, a produção!

manutenção-industrial

Afinal… Qual tipo de manutenção

implementar na sua empresa?

 

          Atualmente, a manutenção que é diariamente feita pela a maioria das empresas é a manutenção corretiva não planejada.

          Porém, dentre todas as manutenções que vimos, essa é a opção menos recomendada.

          Ela é inesperada, ou seja,  a quebra de um componente dos sistemas de produção pode acontecer a qualquer momento.

          Assim, a produção pode parar em um momento crucial para a empresa, o que pode ser determinante para o seu crescimento dentro do mercado.

          Mesmo que o sistema produtivo pare em um momento de ‘’baixa’’, ainda sim é algo péssimo para a empresa, pois gera perda de produtividade e, consequentemente, de receita.

          Além disso, a urgência pode levar a empresa a tomar decisões equivocadas e desgastar ainda mais o pessoal responsável pela manutenção mecânica.

          A manutenção mais recomendável é a preditiva, pois com ela a empresa pode se programar com mais calma e antecedência, gerando menos perdas na produção.

          Ela prevê, como o próprio nome diz, quando as máquinas e equipamentos vão apresentar algum problema utilizando, para isso, os equipamentos de medição corretos.

          Sintetizando, o ponto principal é que na sua empresa, a manutenção industrial não pode ser apenas um ‘’apagar de incêndios’’, que só é realizada quando o problema está acontecendo, como a quebra imediata de um equipamento ou mau funcionamento do mesmo.

          Portanto, é extremamente importante que haja um plano de manutenção dentro da sua gestão, para que isso se torne um processo consolidado dentro da sua indústria.

sistema-de-transmissão

Conclusão

          Entender o conceito de manutenção industrial é extremamente importante para o crescimento e desenvolvimento de qualquer negócio que atue na área produtiva.

          Com uma manutenção bem feita, a partir dos conceitos que discutimos nesse texto e com materiais duráveis e de qualidade, com certeza a sua empresa vai otimizar cada vez mais a sua produção!

          Dessa forma, há maior geração de renda, mais lucro e consequentemente o sucesso de todos que estão em volta do processo fabril!

 

Qual lição você tirou com o conteúdo de hoje? Precisa otimizar a sua produção e realizar alguma mudança nos equipamentos do seu maquinário?

Conte para o Marinheiro, estamos dispostos a te ajudar!

Para mais conteúdos como esse, siga nossas redes sociais e vamos juntos navegar rumo ao sucesso!

avatar

Compartilhe com seus amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Abrir conversa