Engrenagens Industriais: Quais são os tipos e funções

Publicacao

A Origem das Engrenagens Industriais

 

          A origem das engrenagens industriais tem uma história bem curiosa, que foge do uso convencional que conhecemos hoje.

          Elas surgiram no ano de 225 a.C., diante da necessidade de modificar uma carruagem, uma invenção chinesa.

          Esse projeto inicial de engrenagem continha pinos de madeira organizados por um sistema que movia uma estatueta com um braço estendido.

          As primeiras anotações sobre engrenagens foram realizados no século 4 a.C por Aristóteles, um filósofo grego, onde ele menciona as palavras parafuso sem-fim e coroa em seus escritos.

          Mas essas engrenagens não eram como conhecemos hoje, sendo criada por um inventor grego, . No século 3 a.C., Tesibius L. criou a engrenagem cilíndrica de dentes retos e cônicos.

          As primeiras criações que utilizaram a engrenagem vieram logo após.

          Marcus Vitrúvius inventou a roda d’água vertical e usou um par de engrenagens de ângulo reto para transmitir potência do eixo da roda horizontal para o eixo da roda vertical em um moinho de pedra.

          As engrenagens industriais foram se desenvolvendo conforme a necessidade do homem em ter equipamentos mais potentes e modernos.

          Apenas no século XVIII, que Leonardo Euler inventou o sistema com dentes de perfil evolvente em conjunto com um engenheiro mecânico, Max Maag, que desenvolveu um sistema de correções para deslocar o perfil das engrenagens geradas através de uma curva envolvente.

engrenagens

 

 

Mas afinal, qual a função das engrenagens industriais dentro da operação industrial?

 

          As engrenagens industriais podem ser utilizadas de diversas formas e em diversos tipos de industrias ou fábricas, como por exemplo no setor de aviação, automobilístico, indústrias químicas, alimentícias, siderúrgicas, metalúrgicas, entre muitas outras.

          Vale lembrar que independente do setor ou da forma que é utilizada as engrenagens industriais tem apenas uma única e importante função.

          Elas são utilizadas para transmitir potência para uma máquinas, através de uma ligação de eixos, transmitindo velocidade de rotação e torque no processo.

          Ela funciona através do atrito dos seus dentes com os de outra engrenagem e por isso elas operam em pares, ou seja, os dentes de uma engrenagem se encaixam nos espaços dos dentes da outra.

          Dessa forma elas ficam aptas para transmitir a rotação e um torque para as máquinas nas indústrias ou fábricas. Atualmente existem vários tipos de engrenagens.

engrenagens

 

Tipos de Engrenagens Industriais

 

          Agora que conhecemos a história das engrenagens industriais, onde elas são utilizadas e também a função dela dentro de uma operação industrial, vamos entender quais os tipos de engrenagens que temos disponíveis no mercado.

 

  • Engrenagens cilíndricas com dentes retos

          As engrenagens industriais cilíndricas com dentes retos normalmente são usadas em motores para manter a velocidade e a rotação para que consigam sempre um melhor desempenho no processo.

          Elas precisam se encaixar perfeitamente para que funcionem de forma correta e confiável.

          Caso isso não aconteça, pode acarretar em problemas na produção e consequentemente trazer prejuízos para a empresa, gerando problemas na manutenção da fábrica.

 

  • Engrenagens cilíndricas com dentes helicoidais

          As engrenagens industriais cilíndricas em dentes helicoidais são normalmente utilizadas em elementos de transmissões mecânicas.

          Elas tem dentes helicoidais que são dentes que não permanecem alinhados com a direção axial em que estão colocados.

          Esse tipo de engrenagem pode ser feito de forma paralela ou cruzada.

          A forma paralela ocorre quando o deslizamento acontece na extremidade do dente, diferente da forma cruzada, que ocorre quando os dentes possuem contatos que são realizados de forma pontual.

 

  • Engrenagens cônicas com dentes retos

          As engrenagens industriais cônicas com dentes retos fazem a transmissão do movimento rotatório entre um eixo concorrente.

          Elas são utilizadas por diferentes tipos de máquinas e tem diversos tamanhos diferentes.

 

  • Engrenagens cônicas com dentes helicoidais

          As engrenagens industriais cônicas com dentes helicoidais normalmente são utilizadas em máquinas que necessitam de uma grande transmissão de torque.

          Esse tipo de engrenagem tem um rendimento muito alto, com menos ruídos se comparados as engrenagens cônicas de dentes retos.

 

  • Engrenagens cônicas com dentes hipóides

          As engrenagens cônicas com dentes hipoides apresentam uma separação dos eixos, ou seja, eles se cruzam em dois níveis paralelos.

          Esse modelo é muito aplicado na traseira de veículos, especialmente em caminhões, pois quanto maior o torque mais benefícios esses veículos de grande porte terão.

 

  • Engrenagem cônica com dentes espirais

          A engrenagem cônica com dentes espirais tem dentes curvos e inclinados. O ponto positivo dela é que consegue suportar números maiores de rotações por minuto.

          Portanto, normalmente ela é mais requisitada em processos que exigem altas velocidades, como industrias automobilísticas ou quando há necessidade de mudar a rotação de um eixo.

 

  • Engrenagens parafuso em fim ou rosca sem fim

          A engrenagem parafuso em fim ou rosca sem fim funciona a partir de um movimento circular. Ele é muito utilizado em indústrias químicas, alimentícias e farmacêuticas.

          O objetivo dessa engrenagem é reduzir as rotações e aumentar o torque de um determinado redutor.

 

  • Planetárias

          As engrenagens planetárias tem o objetivo de transformar a alta velocidade de rotação de um motor em um grande torque.

          Portanto elas são ideais para indústrias que necessitam de índices maiores de redução, ou seja, que a velocidade seja transformada em força para o sistema.

          Normalmente são utilizada em Indústrias automobilísticas, motores elétricos e alimentadores de papel.

 

  • Cremalheira

          As engrenagens cremalheiras funcionam a partir de uma engrenagem cilíndrica reta acoplada a um trilho e seu objetivo é transformar um movimento circular em longitudinal.

          Elas normalmente são utilizadas em portões elétricos, equipamentos industriais e em ferrovias.

          É importante lembrar que cada equipamento exige um tipo diferente de engrenagem, portanto é essencial analisar e entender as necessidades para fazer a escolha correta do material!

engrenagens

 

 

Conclusão

 

          As engrenagens industriais são muito importantes para o funcionamento da indústria ou fábrica, pois elas fazem o equipamento ou máquina funcionar.

          Mas também devemos lembrar que para a maioria dos casos, para as engrenagens funcionarem como o esperado, é necessário que a corrente também esteja em boas condições de uso, onde variam das mais básicas até as correntes especiais.

          E para que aconteça o funcionamento correto é necessário que faça um acompanhamento e consequentemente realize manutenções periódicas para aumentar a vida útil do mesmo.

 

Agora que você conhece mais sobre engrenagens industriais, qual lição você tirou com o conteúdo de hoje? Você entendeu a real importância dessas engrenagens?

Conte para o Marinheiro, estamos dispostos a te ajudar!

Para mais conteúdos como esse, siga nossas redes sociais e vamos juntos navegar rumo ao sucesso!

 

avatar

Compartilhe com seus amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Abrir conversa